segunda-feira, 30 de março de 2015

Edição de "A Minúscula" nesta quarta feira (1)

Edição de "A Minúscula" nesta quarta feira (1) PRINCIPAIS MANCHETES DESTA EDIÇÃO:
*IPIRANGA CALÇADOS EM NOVA LOJA. *GOVERNADOR VISITOU A REGIÃO. *ELEIÇÕES NA ACEI. *MARCAS DAS CACHAÇAS MAIS SEM VERGONHA DO BRASIL. *PONTA GROSSA VOLTARÁ FABRICAR A CERVEJA ORIGINAL. *CATÓLICOS SAÚDAM A PÁSCOA AS 6 HS. *TRUCO 13 JULIÃO! *89 ANOS SERVINDO OS IDOSOS. *DOE LEITE PARA O VICC. *230 FOSSAS SÉPTICAS PARA ZONA RURAL. *QUE ESPERAR DO NOVO VEREADOR ? *MOVIMENTO RESSURGE NESTE 12 DE ABRIL. VÁ PARA RUA! *SUPERMERCADOS DESMENTEM DILMA TODO DIA. *DUAS PASSEATAS PELAS RUAS NUM MESMO DIA. *VEÍCULO ROUBADO LOCALIZADO PELO MONITORAMENTO DA GM. S E N G É S *SENGÉS RECEBE COMPUTADORES DO GOVERNO DO PARANÁ. *Iª CAMINHADA INTERNACIONAL NA NATUREZA EM MAIO.

domingo, 29 de março de 2015

Jogar papel higiênico na privada faz parte da cultura do primeiro mundo.

A maioria dos brasileiros joga papel higiênico usado no lixo, algo que é encarado com surpresa por americanos ou europeus que vêm fazer turismo por aqui. É que, nesses países, quase todo mundo joga tudo na privada, e morre de nojo de pensar em manusear o cesto com resquícios de fezes diariamente. Mas, afinal de contas, qual a atitude mais correta? Evitar o descarte no vaso sanitário, no Brasil, é algo que está ligado a um motivo muito simples: pouco mais da metade das casas têm acesso à rede coletora de esgoto. Em 2013, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), só 63,5% da população contava com esse luxo. Na região Norte, o total não chegava a 20%. Não se trata apenas de lugares pobres. Você pode passar as férias em uma bela casa no litoral norte de São Paulo e descobrir que, lá, xixi e cocô são direcionados para fossas sépticas, tanques enterrados no quintal com substâncias que digerem os sólidos, permitindo um descarte mais seguro para o meio ambiente. E a questão é que o papel higiênico pode entupir as fossas, prejudicando todo o processo. Já para quem conta com rede coletora de esgoto, jogar papel higiênico na privada está liberado com algumas ressalvas. Veja a resposta da Sabesp, empresa de saneamento paulista, para a pergunta: "O papel higiênico pode ser jogado na privada, quando não houver problemas com entupimento na rede interna, o que ocorre somente em redes domiciliares antigas e com traçado com muitas curvas. Em geral, em prédios, devido à maior pressão da água e os desníveis elevados, não há obstruções por este resíduo." A companhia ressalta que a medida vai ao encontro da recomendação das Vigilâncias Sanitárias, de evitar a manipulação de papel sujo com fezes, um resíduo contaminado microbiologicamente. E continua: "Nos coletores tronco da rede pública (diâmetro superior a 300 mm) não há registro de casos de obstrução atribuível ao papel higiênico, que rapidamente se desagrega com o fluxo de água. Nesse caso, as obstruções estão associadas a resíduos como cabelos, fibras/pelos, fio dental, lixo plástico, preservativos, absorventes higiênicos, hastes flexíveis, aparelhos de barbear descartáveis, pontas de cigarro, brinquedos etc., que deveriam seguir para o lixo ou para reciclagem". Uma cartilha lançada por ONGs e movimentos sociais no último domingo (22), Dia Mundial da Água, no entanto, diz que não se deve jogar papel higiênico no vaso, pois isso requer um uso maior de água, ou seja, uma descarga a mais. O documento "Água: Manual de Sobrevivência para a Crise", foi lançado pelo Instituto Socioambiental (ISA), em parceria com a Aliança pela Água (faça o download pelo site), que reúne quase 50 entidades preocupadas com o tema.

quinta-feira, 26 de março de 2015

Morre o humorista Jorge Loredo, criador do Zé Bonitinho

Criador do famoso personagem Zé Bonitinho, o ator Jorge Loredo morreu na manhã desta quinta-feira, 26, no Rio de Janeiro. Ele estava hospitalizado desde o dia 3 de fevereiro no Hospital São Lucas, no Rio. A causa da morte ainda não foi confirmada. Feio, voz nasalada, gestos robóticos - nada parecia depreciar a imagem de Zé Bonitinho, o mais famoso e longevo personagem criado por Jorge Loredo. Ele nasceu em Campo Grande, no dia 7 de maio de 1925, e não parecia que viveria durante muito tempo. Aos 12 anos, por exemplo, foi diagnosticado com osteomielite na perna esquerda. Isso lhe provocava uma dor constante, que só foi curada na década de 1970. Por conta disso, Loredo foi um garoto tímido e introvertido. Apesar do sucesso, ele nunca se iludiu com a fama. Tanto que, durante a semana, trabalhava como advogado, especializado em previdência social. Em 2001, ele garantia que muitas vezes viu sua renda totalmente atrelada ao trabalho jurídico, uma "retaguarda financeira" que já o salvara de situações difíceis. "A TV é inconstante: hoje você está empregado e famoso, amanhã nem lembram seu nome", dizia. "Atualmente, quase tudo o que ganho vem do meu escritório. Suspiro aliviado quando lembro que tenho outra profissão." Jorge Loredo não gostava de misturar o personagem Zé Bonitinho com sua carreira de advogado, mas contava que perdera a quantidade de vezes em que flagrou um cliente com vontade de rir só de olhar para sua cara. "No meu escritório, adoto uma conduta séria para não confundirem as coisas, e evito falar sobre TV com os clientes. Tenho de passar credibilidade, minhas graças como humorista são um outro negócio", dizia. "Mas não foram poucas as vezes que clientes se surpreenderam ao me verem e até começaram a rir. Tem gente até que pede foto do Zé Bonitinho autografada depois das audiências."

quarta-feira, 25 de março de 2015

JAGUARIAIVA NA TARDE DE ONTEM VIU POLICIA CAÇANDO BANDIDOS NO CENTRO

Policiais Militares pertencentes a 3ª Companhia do 1º BPM encaminharam à delegacia na tarde de terça-feira (24) dois indivíduos acusados de praticar roubo contra uma casa lotérica de Jaguariaíva. O crime ocorreu na área central da cidade. A ocorrência teve início por volta de 17h25min, quando equipes policiais foram informadas via rádio de que criminosos teriam invadido uma casa lotérica e dado voz de assalto, rendendo funcionários e clientes do local. A PM rapidamente iniciou as diligências, flagrando o momento em que três indivíduos, autores do roubo, se evadiam do local, correndo em direção a um veículo Fiat/Uno, automóvel que seria utilizado na fuga. Um dos suspeitos foi detido pelos policiais antes de conseguir chegar ao veículo. Com ele a PM apreendeu a arma de fogo utilizada no roubo, uma pistola calibre 9mm, marca Cherokee, com 2 carregadores e 31 cartuchos intactos de mesmo calibre. Os outros dois envolvidos embarcaram no automóvel e empreenderam fuga. Os policiais realizaram acompanhamento tático ao FIAT/Uno e o abordaram instantes depois, na Vila Pinheiro, momento em que os ocupantes abandonaram o veículo e fugiram a pé. Um deles conseguiu se evadir e não foi localizado. O segundo envolvido foi detido pela PM em um terreno baldio. O dinheiro roubado foi recuperado, VALOR APROXIMADO DE r$ 13.000,00. Ambos foram encaminhados à delegacia local para os procedimentos pertinentes ao caso.

terça-feira, 24 de março de 2015

EDIÇÃO DESTA QUARTA FEIRA DA REVISTA "A MINÚSCULA" PRINCIPAIS MANCHETES:
*O PARANÁ VOLTA AS AULAS, MAS PROFESSORES DO ESTADO DE SÃO PAULO ESTÃO EM GREVE DESDE O DIA 16. *INTERNET EM ITARARÉ PRECISA UM APARELHO MEDIDOR, PARA GANHAR MORALIDADE. *QUANTO GANHA O POLÍTICO DE ITARARÉ PARA NOS CUIDAR COM TANTO ENLEVO? *ITARARÉ ENTRE AS CINCO CIDADES COM MAIOR RISCO DA EPIDEMIA DA DENGUE. *ELEIÇÕES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL EM ABRIL , PROMETEM MUITA DISPUTA. *SAÚDE DE ITARARÉ RECOMENDA USO DE REPELENTES CONTRA DENGUE. *O GRANDE RISCO: AGUENTAR A PREFEITA CRISTINA ATÉ 2018. *DE CADA 10 BRASILEIROS, APENAS UM CONFIA EM DILMA. *TEMOS MAIS 30 BOMBEIROS MIRINS. *PÁSCOA VIROU A FESTA DA CHOCOLATRIA. *DESCARTE NÃO É LIXO E QUE FAZER COM ELE EM ITARARÉ. *ITARARÉ E SEU MISTERIOSO RIO QUE MUDA DE CORES. *Por que o pum e as fezes cheiram mal? *TIRIRICA É CONDENADO POR PLAGIAR ROBERTO CARLOS. *RECUPERADA A ESTRADA DO ERVA DOCE. *CIDADE SINALIZADA. *VII FEIRA DO LIVRO.

domingo, 22 de março de 2015

ALTA DO DÓLAR: Preço do pão francês pode ter reajuste de 10%

O quilo do pão pode ser encontrado entre R$ 7,49 e R$ 13,50 (Foto: Arquivo/Fernando Rezende) O preço do quilo do pão francês começa a pesar no bolso do consumidor. Motivadas pela alta do dólar, que fechou nesta sexta-feira (20) em R$ 3,230, e das tarifas de energia elétrica, padarias reajustam o preço do produto, que, de acordo com a Portaria do Inmetro 146/2006, pode ser vendido apenas por peso. O presidente do Sindicato da indústria de Panificação e Confeitaria de Sorocaba, Paulo Bacelli, estima que panificadoras devam aumentar 10% no valor desse alimento. Ele comenta que o sindicato não é o responsável pelo aumento, mas oferece estudos de gerenciamento. Bacelli explica que há comerciantes que tentam não destinar as consequências dos acréscimos aos clientes, fazendo estoque de farinha, contudo afirma não existir fórmula para segurar gastos trazidos por altas nas contas de energia elétrica e combustível. Atualmente, um saco de farinha está, em média, R$ 62 – com reajustes, passa para R$ 104. O presidente do sindicato salienta que cada estabelecimento deve estudar as medidas, em um plano de custo, para que não tenha menores faturamentos nem atinja seus clientes. Segundo Bacelli, em Sorocaba, o quilo do pão francês pode ser encontrado entre R$ 7,49 e R$ 13,50 – com reajuste de 10%, passará para R$ 8,23 e R$ 14,85, respectivamente; uma diferença de R$ 0,74 e R$ 1,35. Ele frisa que não é apenas o trigo que influencia no acréscimo, mas também outros insumos que são importados, como o papel, e, ainda, transporte e frete da farinha.

sábado, 21 de março de 2015

Secretaria de Saúde confirma mais de 22 mil casos de dengue em Sorocaba

Boletim aponta 10 mil casos em uma semana e seis mortes confirmadas. Pacientes relataram demora no atendimento nas unidades de saúde. Do G1 Sorocaba e Jundiaí Um novo boletim epidemiológico divulgado na tarde desta quarta-feira (18) pela Secretaria de Saúde aponta que o número de casos de dengue registrados este ano em Sorocaba (SP) subiu para 22.675. Isso representa mais de 3,5% da população, estimada em 637 mil habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), estão infectadas pela doença. Ainda segundo o boletim, desde a semana passada, foram registrados quase 10 mil casos da doença. A secretaria afirma também que o número de mortes causadas pela dengue subiu de cinco para seis. Todos os óbitos foram confirmados por exames feitos pelo Instituto Adolfo Lutz. Pelo menos outras seis mortes suspeitas ainda aguardam resultados. Problemas no atendimento Devido ao avanço progressivo da doença, a prefeitura criou um centro de monitoramento. O local, anexo à UPH da Zona Leste, atende pacientes que possuem o "cartão suspeita" e que tenham sido encaminhados por outras unidades de saúde. Além disso, as Unidades Básicas de Saúde da Vila Fiori e do Lopes de Oliveira ficam abertas nos fins de semana exclusivamente para atender os infectados. Porém, no último sábado (14), o centro de monitoramento e a UBS da Vila Fiori registraram superlotação, e houve reclamações. Um paciente relatou ter esperado até sete horas por atendimento. "Eu vim lá do Júlio de Mesquita e eu estou há quase sete horas aqui parado. Só fui atendido agora porque me passaram na frente, porque eu estava passando mal", relatou, no dia, o metalúrgico Ecléberson Moreno, que procurou o centro de monitoramento. Nesta terça-feira (17), pais de pacientes da pediatria bloquearam o trânsito na Avenida General Carneiro para protestar contra a demora no atendimento da Unidade Pré-Hospitalar da Zona Oeste. Por meio de nota, a prefeitura informou que um dos motivos que causaram a fila foi a quantidade de pacientes com suspeita de dengue no local.
Todos os direitos reservados - Hélio Porto Comunicações Ltda.
Fone: (15) 3532-3314 - Rua Campos Salles, 1261 - Itararé-SP - Cep.: 18460-000